Artigos
  • IRAJÁ LACERDA
    Estudo aponta que soja não representa risco de desmatamento para Amazônia
/ DINHEIRO EM ESPÉCIE

Tamanho do texto A- A+
09.10.2019 | 15h53
Ex-prefeito Galindo recebeu R$ 1,5 milhão em propina, diz Riva
Valores foram pagos, segundo ex-deputado, durante 23 meses e em duas eleições de Mesa
Thiago Bergamasco
O ex-prefeito de Cuiabá Chico Galindo
DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

No documento em que propõe ao Ministério Público Estadual (MPE) um acordo de colaboração premiada, o ex-deputado José Riva aponta que o ex-prefeito de Cuiabá Chico Galindo recebeu R$ 920 mil de propina.

Os valores correspondem a pagamentos mensais de R$ 30 mil, durante 23 meses, quando Galindo atuou como deputado estadual. O dinheiro era desviado por meio de contratos fraudulentos.

Segundo o documento, Galindo dispensava intermediários, e recebia os valores em espécie diretamente de Riva, ou dos então deputados Sérgio Ricardo e Mauro Savi, além de um ex-secretário de finanças da Assembleia, já falecido.

Riva ainda afirma que o ex-prefeito de Cuiabá, que era vice de Wilson Santos (PSDB), mas assumiu quando este último renunciou para disputar o Governo, também foi beneficiado com propina para votar nas eleições da Mesa Diretora da Assembleia.

Na disputa referente à Mesa de 2007 a 2009, Riva diz que Galindo recebeu R$ 250 mil. Sérgio Ricardo foi eleito presidente, e Riva primeiro-secretário.

Além dele, outros deputados à época receberam o mesmo valor: Dilceu Dal’Bosco, Walter Rabelo, João Malheiros, Chica Nunes, Ademir Brunetto, Guilherme Maluf, Adalto de Freitas, Humberto Bosaipo, José Domingos Fraga, Wallace Guimarães, Mauro Savi, Sebastião Rezende, Airton Português, Campos Neto e Maksuês Leite.

Quem bancou a propina foi o empresário Valdir Piran, do ramo de factoring.

Na disputa da Mesa seguinte, de 2009 a 2011, Sérgio Ricardo e Riva inverteram os cargos, e gastaram R$ 4 milhões para serem eleitos.

Riva diz no documento que vários deputados, a exemplo de Galindo, receberam entre R$ 300 mil e R$ 350 mil em propina.

Além de Galindo, também receberam, segundo o documento: Guilherme Maluf, Chica Nunes, Adalto de Freitas, Dilceu Dal’Bosco, Wagner Ramos, Zé Domingos Fraga, Wallace Guimarães, João Malheiros, Mauro Savi, Sebastião Rezende, Ademir Brunetto e Maksuês Leite.

Segundo Riva, os valores foram obtidos em várias factorings.

Outro lado

A reportagem ligou para o telefone de Galindo, no início da tarde desta quarta-feira (09), mas ele não atendeu.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2019 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet